1. Home
  2. /
  3. Degustação
  4. /
  5. O mundo das Farmhouse Ales, as cervejas da fazenda
O mundo das Farmhouse Ales, as cervejas da fazenda
Em 22/12/2021 às 16h09.

O mundo das Farmhouse Ales, as cervejas da fazenda

De cor dourada, amargor equilibrado e acidez muito sutil, as Farmhouse Ales têm tradições belga, francesa e nórdica; conheça cada uma delas.

Felipe Freitas
Por Felipe Freitas, cervejar.com
Engenheiro Químico e Sommelier de Cerveja

É possível que você já tenha visto o termo “Farmhouse” em um rótulo de cerveja ou no menu de um bar, embora possa não saber do que se trata. Do inglês, farmhouse tem significados diferentes no mundo da cerveja.

Um deles identifica a origem da cerveja, no caso, como sendo produzida em fazendas. Acontece que esse conceito tem gerado uma série de discussões, pois muitas cervejarias que estampam o termo não possuem nenhuma ligação com o mundo rural.

Outro significado, e que é o foco deste texto, está relacionado a um estilo de cerveja, cuja técnica de produção nasceu em regiões rurais da Europa, há muitos séculos. Entre as características em comum desse estilo, estão a cor dourada, o amargor equilibrado e uma acidez muito sutil, que não persiste na boca.

As Farmhouse Ales, das tradições belga e francesa

Entre os estilos das Farmhouse Ales, o Saison possui raízes humildes e agrícolas. No século 18, no sul da Bélgica, muitas fazendas tinham suas próprias cervejarias. No inverno, os moradores dessa região utilizavam a cevada para produzir malte, que era transformado em cerveja, durante os meses frios.

Apesar de feitas no inverno, essas cervejas eram consumidas no verão para refrescar quem  trabalhava pesado no campo. Elas apresentam baixo ABV e amargor equilibrado.

Já as Bière De Garde são consideradas a contribuição francesa de maior reconhecimento para o mundo da cerveja. Esta bebida também era produzida durante os meses de frio, em áreas agrícolas, para ser consumida no verão.

As Bière de Garde originais possuíam maior grau de acidez devido à maturação realizada em barris de madeira e apresentavam baixo teor alcoólico, entre 3% e 4%, características que não são unanimidades em suas versões mais modernas.

As Farmhouse Ales nórdicas

As Farmhouse Ales com origem em países como Noruega, Finlândia, Suécia, Estônia e Lituânia, chegaram ao conhecimento dos amantes de cerveja norte-americanos, o que levou a uma onda de interesse sobre o assunto em diversos lugares do mundo.

A mais conhecida é a chamada Kveik, que é produzida com uma levedura de mesmo nome. As cervejas produzidas com a levedura Kveik, que possui registros de produção do século 18, apresenta características cítricas, resultantes dos produtos gerados em sua fermentação.

A descoberta recente das Kveiks pela cerveja artesanal contemporânea é uma demonstração de quanta inovação ainda pode ser produzida ao se mergulhar na história da cerveja.

Mercado Cervejeiro
23/06/2022 às 10h57.

Com nova lei, Rio de Janeiro pode ganhar mais cervejarias

Após receber aprovação final e entrar em vigor, lei pode ser o “empurrão” que faltava para pessoas que desejam abrir sua cervejaria artesanal, mas encontravam barreiras para isso.

Compartilhe
Mercado Cervejeiro
16/06/2022 às 10h00.

Dia do Orgulho LGBTQIA+: 3 iniciativas que apoiam a causa

O dia 28 de junho marca a luta pela diversidade e igualdade de direitos. A cerveja não está alheia ao tema e já existem, inclusive, iniciativas e empreendimentos na área.

Compartilhe