1. Home
  2. /
  3. Mercado Cervejeiro
  4. /
  5. Dia do Orgulho LGBTQIA+: 3 iniciativas que apoiam a causa
Dia do Orgulho LGBTQIA+: 3 iniciativas que apoiam a causa
Em 16/06/2022 às 10h00.

Dia do Orgulho LGBTQIA+: 3 iniciativas que apoiam a causa

O dia 28 de junho marca a luta pela diversidade e igualdade de direitos. A cerveja não está alheia ao tema e já existem, inclusive, iniciativas e empreendimentos na área.

Luis Celso Jr.
Por Luis Celso Jr., cervejar.com
Jornalista e Sommelier de cerveja

Uma confusão tomou conta do bar Stonewall Inn, famoso ponto de encontro da comunidade gay da cidade de Nova York, no dia 28 de junho de 1969. O motivo foi uma batida policial que causou tumulto ao agredir e prender 13 funcionários do bar. As alegações eram que o local não tinha licença para vender bebidas alcoólicas e que os frequentadores vestiam “roupas inadequadas” ao gênero, como mandava a lei.

A multidão, que acompanhava do lado de fora, se revoltou com a truculência da ação policial e arremessou pedras e garrafas. Isso acuou os policiais e deu início a um pequeno incêndio no bar. A partir daquele momento, a comunidade gay foi às ruas e protestou durante seis dias nos arredores do Stonewall Inn.

Mas, o real motivo da batida era outro. Apesar de a polícia fazer vista grossa muitas vezes, a relação entre pessoas no mesmo sexo era considerada crime nos EUA, naquela época. Somente a partir de 1962, a proibição começou a cair Estado por Estado. Em Nova York, só deixou de ser crime de vez em 2003.

Por isso, o dia 28 de junho é considerado o Dia do Orgulho LGBTQIA+ no Brasil e no mundo. Um dia de luta por direitos e tratamentos iguais para homossexuais, transgêneros e quem se identifica com outras formas de sexualidade. A cerveja faz parte da sociedade e não fica alheia a essa luta. Aliás, várias cervejarias já lançaram rótulos ou fizeram campanhas sobre o assunto. Que tal conhecer algumas?

Brooklyn Brewery Stonewall Inn

A Stonewall Inn IPA é uma Session IPA Brookyn Brewery, de Nova York, que faz referência ao episódio narrado acima. Em 2019, a cervejaria fez um projeto para expandir o rótulo para o mundo todo em comemoração aos 50 anos da revolta. Trata-se de uma cerveja cítrica e aromática, feita apenas com lúpulo Citra, com 4,6% e menor amargor em relação às IPAs convencionais. Está disponível no Brasil, e parte da renda é revertida para uma organização que apoia a comunidade LGBTQIA+ nos EUA.

Brewing Love Project

Em 2021, mais de 20 cervejarias brasileiras participaram do Brewing Love Project, lançando cervejas exclusivas com o nome e o rótulo do projeto, que tem as cores do arco-íris, símbolo da comunidade gay. A ideia foi liderada pela Cervejaria Octopus, do Rio de Janeiro. Parte do lucro foi revertida para instituições de apoio à luta LGBTQIA+.

Cerveja Benedita / Corisca

Tão importante quanto apoiar projetos na área é apoiar empreendedores e empreendedoras LGBTQIA+. A Cerveja Benedita, de Taboão da Serra, na Grande São Paulo, se tornou um case muito comentado pela mídia por ser comandada por mulheres, lésbicas e periféricas. Ela é tocada pelo casal Melissa Miranda e Eneide Gama, que começou a produzir cervejas em 2017. Hoje, a cervejaria produz quatro rótulos: Lager, Witbier, APA e IPA.

Mercado Cervejeiro
09/11/2022 às 10h30.

5 livros sobre como fazer cerveja

Fazer cerveja pode ser um hobbie, ou um trabalho sério; independente do seu nível de experiência, há ótimos livros para te ajudar a começar ou aprofundar os estudos cervejeiros.

Compartilhe
Mercado Cervejeiro
21/10/2022 às 13h03.

Fique por dentro: Dicionário das cervejas funcionais

Cervejas funcionais adicionam características benéficas à saúde; fique por dentro do vocabulário ligado a essas bebidas.

Compartilhe