1. Home
  2. /
  3. Degustação
  4. /
  5. Conheça a Eisbock, cerveja que pode ter mais de 10% de álcool
Conheça a Eisbock, cerveja que pode ter mais de 10% de álcool
Em 05/08/2022 às 12h27.

Conheça a Eisbock, cerveja que pode ter mais de 10% de álcool

Saiba mais sobre este estilo alemão, raro, histórico e bem alcoólico, que vai ganhar um novo exemplar no Brasil.

Felipe Freitas
Por Felipe Freitas, cervejar.com
Engenheiro Químico e Sommelier de Cerveja

Eisbock é um estilo alemão que se destaca por diferentes peculiaridades, sendo uma das mais famosas o seu alto teor alcoólico, que pode variar entre 9% e 14%. A Eisbock é uma das variantes do estilo Bock, que se torna concentrada por meio de uma série de congelamentos e descongelamentos.

Por conta do longo trabalho e alto custo de produção, a Eisbock costuma ser bastante rara. Mas, este ano, será lançado um exemplar deste estilo por uma cervejaria brasileira.

Criada acidentalmente?

Seja verdade ou lenda, a história da criação da Eisbock é do final do século XIX. Um funcionário de uma cervejaria na Baviera teria deixado, por preguiça, um barril de cerveja Bock em uma área aberta, numa noite extremamente fria.

Como resultado, pela manhã, os funcionários encontram a cerveja congelada e a estrutura do barril de madeira quebrada. Sem ter o que fazer, o funcionário da cervejaria teria percebido um líquido escuro escorrendo da cerveja congelada. O aroma de malte, o teor alcoólico e o sabor doce e levemente picante agradaram o cervejeiro. O estilo característico desse processo foi batizado como Eisbock.

As características

A Eisbock é produzida por meio do congelamento em série de uma cerveja Doppelbock. A cada congelamento, a primeira parte que descongela é mais rica em álcool, permanecendo congelada a parcela que conta com a maior parte de água.

Após esse processo ser repetido diversas vezes, o resultado é uma cerveja concentrada, que se assemelha a um licor de malte. Algumas chegam a ter um teor alcoólico acima de 20%.

A Eisbock possui cor que varia do cobre avermelhado ao marrom escuro. O aroma tem presença de álcool destacada, equilibrado por um profundo perfil de maltes e ésteres de frutas passas.

No sabor, destaca-se a presença doce do malte, que não deve ser enjoativo. Notas de caramelo e até chocolate podem estar presentes. Esta cerveja apresenta baixa carbonatação e possui aquecimento proporcionado pelo álcool.

Uma Eisbock brasileira

Cervejas do estilo Eisbock são raras de serem produzidas, sendo mais comuns como lançamentos sazonais ou edições comemorativas. Mas, a cervejaria paulista Animal Beer vai lançar, ainda este ano, uma Eisbock brasileira, aceitando o desafio da trabalhosa e custosa produção.

Mercado Cervejeiro
09/11/2022 às 10h30.

5 livros sobre como fazer cerveja

Fazer cerveja pode ser um hobbie, ou um trabalho sério; independente do seu nível de experiência, há ótimos livros para te ajudar a começar ou aprofundar os estudos cervejeiros.

Compartilhe
Mercado Cervejeiro
21/10/2022 às 13h03.

Fique por dentro: Dicionário das cervejas funcionais

Cervejas funcionais adicionam características benéficas à saúde; fique por dentro do vocabulário ligado a essas bebidas.

Compartilhe