1. Home
  2. /
  3. Mercado Cervejeiro
  4. /
  5. Chopp em casa: confira algumas formas de aproveitar a iguaria
Chopp em casa: confira algumas formas de aproveitar a iguaria
Em 22/08/2022 às 11h58.

Chopp em casa: confira algumas formas de aproveitar a iguaria

Chopp é a cerveja que não foi pasteurizada e, por isso, é mais fresco e saboroso; confira algumas formas de aproveitar essa iguaria em casa.

Luis Celso Jr.
Por Luis Celso Jr., cervejar.com
Jornalista e Sommelier de cerveja

Sabe aquela sensação de relaxar e pedir um chopp fresquinho em um happy hour com os amigos numa mesa de bar? Hoje, também é possível fazer tudo isso no conforto do seu lar. De uns tempos para cá, a facilidade de se ter chopp em casa aumentou muito, não sendo mais uma exclusividade dos estabelecimentos comerciais.

E não estou falando de alugar todos aqueles equipamentos e barris grandes para festas. Mas de pequenas porções para consumo individual, ou com poucos amigos. Algumas dessas formas incluem até aquela sensação gostosa de tirar seu próprio copo de chopp.

Chopp é a cerveja que não passou pelo processo de pasteurização na cervejaria, que é um choque térmico aplicado na bebida já pronta para eliminar microorganismos e, assim, conseguir uma validade maior. Por outro lado, esse tratamento diminui o frescor, podendo até mesmo prejudicar o aroma e sabor da bebida.

Ou seja, um chopp é sempre mais saboroso do que a cerveja pasteurizada da mesma marca e rótulo. Contudo, ele carece de mais cuidados. Tem uma validade menor, deve ser mantido refrigerado o maior tempo possível e, claro, deve ser consumidor rápido, principalmente depois de aberto.

Além disso, se você usar recipientes retornáveis para transportar e armazenar, é preciso mantê-los sempre bem limpos. Mas o esforço compensa, e muito. A seguir, confira a algumas das formas para ter chopp em casa.

Growler

Trata-se de um recipiente, retornável ou descartável, em que as cervejarias e bares depositam “chopp para viagem”. Podem ser feitos de plástico, vidro, cerâmica, ou aço inox. Também vêm em vários tamanhos diferentes, entre 500 ml e 5 litros, normalmente. Não é algo novo, mas cresceu expressivamente com as cervejas artesanais e explodiu durante a pandemia de Covid-19, principalmente em recipientes descartáveis vendidos por meio de delivery.

Crowler

Trata-se de um growler, só que o envase é feito em latas de alumínio descartáveis semelhantes as que encontramos nos mercados. São envasadas nas cervejarias e bares que têm o equipamento correto. Assim como no primeiro caso, você pode comprar a sua diretamente nos estabelecimentos ou pedir via delivery.

Minikegs

São compostos por um growler retornável, normalmente de aço inox, e um minissistema de extração de chopp. A lógica é a mesma utilizada nos bares, onde o growler substitui o barril, e são usadas peças pequenas para a extração – o cilindro de gás, por exemplo, é substituído por uma cápsula de CO2.

Dessa forma, você pode ter a experiência completa, podendo tirar o chopp fresquinho em casa como no bar, com aquela espuma cremosa e todo o sabor. Exige um pouco mais de conhecimento para montar e limpar, mas eles normalmente acompanham um manual com todos os detalhes.

Cervejas não pasteurizadas

Hoje em dia, muitas cervejas artesanais, principalmente as vendidas em locais especializados, não são pasteurizadas. É uma escolha das cervejarias para preservar o produto na sua melhor forma, mesmo que demande refrigeração e tenha menor validade. Então, se você busca praticidade com todo o sabor da bebida, pode ser uma ótima opção apostar em cervejas não pasteurizadas em latas e garrafas.

Mercado Cervejeiro
22/09/2022 às 10h58.

Oktoberfest: Conheça as 5 maiores do mundo

Você sabia que a festa de Munique não é a maior do mundo? Saiba quais são as cinco maiores Oktoberfests e suas curiosidades.

Compartilhe
Mercado Cervejeiro
19/09/2022 às 15h14.

De 2013 até os dias atuais. A expansão do Mondial no Brasil

Gabriel Pulcino, gerente de negócios do Mondial de la Bière conta um pouco sobre as histórias por trás de um dos maiores festivais de cervejas do mundo.

Compartilhe