1. Home
  2. /
  3. Mercado Cervejeiro
  4. /
  5. Cerveja puro malte ou puro marketing?
Cerveja puro malte ou puro marketing?
Em 11/04/2022 às 10h59.

Cerveja puro malte ou puro marketing?

Cervejas puro malte podem não ser sinônimo de qualidade. Entenda o porquê.

Felipe Freitas
Por Felipe Freitas, cervejar.com
Engenheiro Químico e Sommelier de Cerveja

O termo “puro malte”, cada vez mais comum em rótulos, propagandas e conversas sobre cerveja, se tornou uma espécie de atestado de qualidade da bebida. Mas, será que ele é sinônimo de cerveja boa?

A verdade é que este termo só é valorizado no Brasil, e foi criado pela grande indústria para tentar chamar a atenção dos consumidores para cervejas que entregariam mais qualidade, por um preço mais elevado que as populares. Uma estratégia de marketing.

Essa estratégia atraiu a atenção das pessoas e tornou o nome “puro malte” conhecido. No entanto, cerveja puro malte não é sinônimo de qualidade. Existem cervejas de altíssima qualidade que não são puro malte, premiadas no mundo inteiro, e com uma longa história no mundo da cerveja.

Cerveja puro malte

A cerveja puro malte é produzida inteiramente com cereais malteados. Malteação é um processo em que os cereais são pré-germinados para facilitar o processo cervejeiro, e pode ser aplicado em diferentes tipos de cereais, como cevada, trigo e até mesmo arroz.

Cervejas de fora dessa categoria podem utilizar outras fontes de açúcar no processo de fermentação, o que não necessariamente prejudica a qualidade da bebida.

Derrubando mitos

É importante ficar claro que cerveja puro malte não é um certificado de qualidade da bebida. E tem outro mito que precisa ser derrubado: que o milho é inimigo da cerveja. Neste caso, o que deve ser levado em consideração é a qualidade do milho, e qual o papel ele desempenha na bebida.

Uma cerveja puro malte não necessariamente utiliza malte de boa qualidade na fabricação. O malte ou outros ingredientes de baixa qualidade, bem como falhas de processo, podem comprometer a qualidade da bebida.

Por outro lado, qualquer ingrediente de alta qualidade (incluindo os polêmicos milho e arroz), junto a um processo de produção bem controlado, produzirá uma cerveja boa, e ela não precisa ser puro malte para atingir esse patamar de reconhecimento.

Por todo o mundo, inclusive no Brasil, diversas cervejas entregam sabor, aroma e uma série de outros atributos, e não estão na categoria puro malte. Em resumo, o mais importante para uma cerveja de qualidade é que seja uma bebida gostosa, puro malte ou não.

Brasil Brau 2022
Brasil Brau 2022
Mercado Cervejeiro
16/05/2022 às 11h20.

Qual cerveja levar? Escolhendo cervejas no supermercado

Um breve guia para te ajudar a conhecer novas cervejas, sem se perder na diversidade de opções dos supermercados.

Compartilhe
Mercado Cervejeiro
13/05/2022 às 13h50.

Com curadoria do Instituto da Cerveja Brasil, 17º Congresso Brasileiro de Ciência e Tecnologia Cervejeira apresenta tendências para 2022

Fórum mais tradicional e longevo do setor reúne palestrantes nacionais e internacionais para debater técnicas de produção, processos, insumos e serviços ao longo de três dias.

Compartilhe