1. Home
  2. /
  3. Mercado Cervejeiro
  4. /
  5. 5 especialistas indicam suas Session Beers preferidas
5 especialistas indicam suas Session Beers preferidas
Em 27/12/2021 às 10h10.

5 especialistas indicam suas Session Beers preferidas

Session Beers são cervejas com teor alcoólico reduzido, inferior a 5%. Elas têm as mesmas características das cervejas originais, mas são mais suaves.

Luis Celso Jr.
Por Luis Celso Jr., cervejar.com
Jornalista e Sommelier de cerveja

O verão está aí. E o sol e calor da estação mais quente do ano pedem uma boa e refrescante cerveja, como as Session Beers, bebidas leves, sem abrir mão do sabor. O termo é usado para denominar cervejas de qualquer estilo feitas com teor alcoólico reduzido, que não deve passar de 5%.

Ao diminuir o teor alcoólico, os cervejeiros frequentemente adaptam suas receitas para suavizar também outras características, como corpo, dulçor e amargor, a fim de encontrar equilíbrio. As Session Beers tendem a ter as mesmas características dos estilos originais, porém com mais suavidade.

Podemos ter versões como Session IPA, Session Porter, Session Tripel, e outras. Mas, como escolher? Pedimos para cinco especialistas em cerveja indicarem as melhores Session Beers, segundo seus gostos pessoais. Confira a lista.

1 – Dádiva Session IPA (4,5% – 310 ml)

Para o especialista em cervejas Edu Passarelli, a eleita é a Dádiva Session IPA, da cervejaria de Várzea Paulista (SP). “Ela entrega tudo o que uma boa Session deve ter: aromas e sabores marcantes, mas com a leveza e bom drinkability que o estilo pede”, explica Edu. “É por isso que ela conquistou meu coração e é a minha predileta”, completa.

2 – Overhop Brewing Gravioh-Là-Là (4% – 473ml)

A indicação da sommelière de cervejas Bia Amorim é a Gravioh-Là-Là, Sour com graviola da cervejaria carioca Overhop, e medalhista de ouro no MBeer Contest 2021.

“A Session tem como propósito ter alta drinkability, e em dias quentes também queremos refrescância. Esta cerveja tem acidez equilibrada e adição de fruta, uma combinação muito agradável”, avalia. “Com a baixa graduação alcoólica, a bebida pode acompanhar uma tarde inteira na piscina ou na praia”, aconselha a sommelière.

3 – Brooklyn Bel Air Sour (4,5% – 355 ml)

“A Brooklyn Bel Air Sour é leve, mas cheia de sabor. Traz notas tropicais, refresca e tem um final levemente ácido”, afirma Edu Pelizzon, sommelier de cervejas, mestre em estilos e professor do Instituto da Cerveja Brasil (ICB).

A Bel Air Sour pertence ao portfólio da cervejaria Brooklyn, de Nova Iorque. “Espetacular para o verão. Se beber de olhos fechados, dá pra sentir a brisa do mar.”

4 – Cia de Brassagem Brasil Onça Pintada (5% – 473 ml)

Ronaldo Rossi, chef e sommelier de cervejas, também indicou uma das suas favoritas. Trata-se da Onça Pintada, Session IPA da Cia de Brassagem Brasil, de São Paulo (SP). “É a melhor Session IPA do mercado. É equilibrada, intensa e, mesmo tendo só 5% de teor alcoólico, tem Sorachi Ace, o meu lúpulo preferido”, defende. Sorachi Ace é um lúpulo japonês que traz aroma cítrico, como limão siciliano, cascas de laranja, lichia e capim-limão.

5 – Firestone Easy Jack (4,2% – 355 ml)

Uma das cervejas mais cultuadas nos Estados Unidos, a Firestone Easy Jack é a Session IPA escolhida pela sommelière Kathia Zanatta, mestre cervejeira e sócia do ICB.

“A bebida tem lúpulos cítricos marcantes, corpo e álcool leves, equilibrados, com excelente qualidade de amargor. Refrescante e muito versátil pra harmonização de pratos de verão, inclusive, com um longo dia de churrasco”, afirma Kathia.

Mercado Cervejeiro
26/01/2022 às 14h41.

Embalagem bonita é diferencial e ajuda nas vendas

Latas ou garrafas bonitas de cerveja podem atrair consumidores e impulsionar as vendas.

Compartilhe
Mercado Cervejeiro
25/01/2022 às 10h00.

Terra da garoa, São Paulo é também a terra da cerveja

A cidade São Paulo, que comemora 468 anos em 2022, caminha para ter o maior número de cervejarias do Brasil.

Compartilhe