1. Home
  2. /
  3. Degustação
  4. /
  5. 3 cervejas feitas no método de champanhe para o Réveillon
3 cervejas feitas no método de champanhe para o Réveillon
Em 24/12/2021 às 10h10.

3 cervejas feitas no método de champanhe para o Réveillon

Cervejas do estilo Bière Brut são sofisticadas, elegantes e inusitadas o bastante para serem inesquecíveis. Uma alternativa fantástica ao tradicional espumante.

Luis Celso Jr.
Por Luis Celso Jr., cervejar.com
Jornalista e Sommelier de cerveja

Já pensou em uma bebida especial para o Réveillon? Sim, tem que ser especial! Afinal de contas, chegamos ao fim de 2021 vitoriosos. Podemos não ter eliminado completamente a pandemia de Covid-19, mas evoluímos muito em relação ao ano passado. Superamos inúmeras dificuldades e estamos, em grande parte, vacinados.

Para comemorar o fim de ano, minha indicação é manter o tradicional estouro de rolha, mas com cervejas feitas no método de champanhe, as Bière Bruts. Elas passam pelo Méthode Tradicionnelle ou Champenoise, e dão origem a um híbrido entre a bebida de cereais e os espumantes, misturando aromas e sabores de ambos.

Assim como os espumantes, essas cervejas são refrescantes, efervescentes, além de sofisticadas, elegantes, complexas e inusitadas o bastante para serem inesquecíveis.

Parece espumante, mas não é

Para chegar nesse sutil e saboroso equilíbrio, a cerveja pronta é submetida a um processo que consiste em três etapas principais: refermentação na garrafa, rémuage e degorgement.

Primeiro, a cerveja pronta é engarrafada com uma levedura de espumante e refermenta entre 30 e 60 dias – período três a quatro vezes maior do que em uma cerveja comum. Elas ficam em caves com temperatura e umidades controladas, entre seis e 18 meses, para apurar o sabor.

Depois, vem o rémuage, processo que dura cerca de um mês. Nele, as garrafas são colocadas inclinadas para baixo e giradas periodicamente para que a borra de levedura desça para o gargalo.

Por fim, é feito o degorgement, etapa em que as garrafas têm o gargalo congelado e depois são abertas. Com isso, a pressão expulsa o sedimento congelado para fora. As garrafas, então, são completadas e recebem a rolha definitiva.

DeuS – Brut Des Flandres (11,5% – 750 ml)

Em 2002, nasceu uma das primeiras Bière Bruts do mundo, a DeuS. Com produção limitada de aproximadamente 15 mil garrafas por ano, a produção dessa bebida inicia na fábrica da Bosteels Brouwerij. na Bélgica.

Essa cerveja, que servirá de base para a DeuS, é a Tripel Karmeliet, uma Belgian Tripel regularmente comercializada pela cervejaria. Depois, o líquido viaja até as proximidades da cidade de Épernay, na região de Champagne, na França, onde passa pelo método champenoise.

A maturação nas caves dura não menos de 12 meses. Tem corpo médio, bom perlage, aroma floral, de uvas verdes, peras, maçãs, e condimentação como noz-moscada, gengibre e herbal, com suaves toques de cascas de pão, biscoito e mel.

Morada Double Vienna Brut 5 anos (11,5% – 750 ml)

A Morada Cia Etílica criou a Double Vienna Brut, em 2014, a partir da American Amber Lager. Em 2021, lançaram a Double Vienna Brut 5 anos, que passou por período de apuração de sabores durante todos esses anos (a versão normal fica apenas 18 meses). Os aromas são frutados, com toque amadeirados e tostados.

Wäls Brut (9% – 750 ml)

Produzida pela cervejaria mineira, a Wäls Brut foi premiada no Concurso Brasileiro da Cerveja, em 2013, e no World Beer Awards, em 2015. Têm aromas de maças e uvas verdes, um toque cítrico, como cascas de laranja, suave acidez e condimentação como pimenta-do-reino e noz-moscada.

Mercado Cervejeiro
23/06/2022 às 10h57.

Com nova lei, Rio de Janeiro pode ganhar mais cervejarias

Após receber aprovação final e entrar em vigor, lei pode ser o “empurrão” que faltava para pessoas que desejam abrir sua cervejaria artesanal, mas encontravam barreiras para isso.

Compartilhe
Mercado Cervejeiro
16/06/2022 às 10h00.

Dia do Orgulho LGBTQIA+: 3 iniciativas que apoiam a causa

O dia 28 de junho marca a luta pela diversidade e igualdade de direitos. A cerveja não está alheia ao tema e já existem, inclusive, iniciativas e empreendimentos na área.

Compartilhe